Cantora Aurora 2. Foto: Divulgação

Aurora apresenta seu empoderador e eufórico novo single, “The Woman I Am”

Atração principal no show em Londres, na O2 Brixton Academy, Aurora encerra turnê no Reino Unido com ingressos esgotados

Aurora acaba de lançar hoje seu novíssimo, brilhante e arrebatador single, “The Woman I Am”. Explorando temas como autoconfiança e orgulho, a canção é a primeira faixa a ser retirada de uma versão especial deluxe do álbum aclamado pela crítica “The Gods We Can Touch”.

A cantora norueguesa disse sobre a faixa: “É uma ode à divindade feminina. Nem sempre é fácil encontrar seu lugar neste mundo feito para homens, sendo mulher. Encontrar a si mesma. Aprender que você é uma fonte de vida, de poder, de arte, de pensamento e de amor. Não apenas um recipiente. Você não existe para o prazer dos outros, você existe para si mesma. Mesmo além de seu corpo, sua beleza, seu intelecto e suas realizações, há uma mulher que é digna deste mundo; acredite nela. E saiba que ela vale a pena a cada respiração que você der. E então talvez um dia o mundo esteja em harmonia. E equilíbrio. Mas somente nos braços da igualdade”.

“The Woman I Am” vem na esteira da turnê de AURORA no Reino Unido, com ingressos esgotados. Ela fez paradas em cidades como Birmingham, Manchester, Leeds, Bristol, entre outras, e terminará em Londres, na O2 Brixton Academy.

Janeiro viu AURORA conseguir seu primeiro Top 10 no Reino Unido com o álbum “The Gods We Can Touch”, que chegou ao 8º lugar no Official UK Album Chart. Inspirado na mitologia grega, o álbum foi descrito como “Eufórico” e “Divino” (NME) e foi o terceiro álbum com maior número de streams do mundo no Spotify, no fim de semana de sua estreia.

Cantora Aurora. Foto: Divulgação

Para celebrar o lançamento, durante o mês de janeiro AURORA agraciou seus adorados fãs britânicos com várias aparições especiais ao redor da capital. Centenas de “Guerreiros” (Warriors) de AURORA fizeram fila na rua para conhecer a superestrela norueguesa sob seu belo mural da Amazon Music, em Shoreditch, com apenas 12 horas de antecedência. Foram realizados shows intimistas esgotados em Pryzm, Kingston e Rough Trade East, bem como um exclusivo Q&A, apresentado por Arielle Free, da BBC Radio 1, antes da exibição de sua ‘experiência digital global’ intitulada ‘A Touch Of The Divine’.

AURORA conseguiu um sólido apoio da BBC Radio 1 e Radio 2 em torno dos singles lançados do álbum “The Gods We Can Touch”. O disco também tem tido um apoio fenomenal em todas as plataformas de streaming – apenas no Spotify, o álbum acumulou 96 milhões de streams. A plataforma ainda escolheu AURORA como seu primeiro Enhanced Album de 2022, com outdoors exibidos em Londres e Nova York, enquanto o YouTube Music iluminou a Times Square de Nova York com um gigantesco outdoor digital.

Provando ser um grande sucesso internacional, “The Gods We Can Touch” foi nomeado pelo site norte-americano Consequence, como um dos “álbuns mais esperados de 2022”, recomendado no LA Times e descrito como “Divino” no The Washington Post enquanto a Billboard nomeia AURORA como “Uma das pessoas mais fascinantes atualmente fazendo música”. A cantora também foi recebida com elogios por parte dos formadores de opinião, como a Marie Claire Itália, que disse: “Em 2022, a Terra precisa de um exército de AURORAS”.


Leia Mais: Jão domina o Allianz Parque em show de abertura do Maroon 5 na terça-feira (05)

Siga @Nerdrecomenda nas redes Sociais

Facebook Instragram Twitter

Deixe seu Comentário