fronteiras phillip pullman

Trilogia Fronteiras do Universo (His Dark Materials) – Phillip Pullman

“Eu parei de acreditar que havia um poder do bem e um poder do mal que estavam fora de nós. Comecei a acreditar que o bem e o mal são nomes daquilo que as pessoas fazem, não do que elas são.”

(A Luneta Âmbar – Philip Pullman)

 

Preparem a roupa de carnaval, porque hoje é dia de jogar confete na Trilogia Fronteiras do Universo, e, antes de mais nada, queria deixar claro que essa é uma história que habita nos lugares mais sagrados do meu coração e todo mundo que leu e não gostou, leu errado! 

Avisos dados, vamos ao que interessa.

fronteira do universo bússola de ouro filme
Filme A Bússola de Ouro de 2007 (Foto Divulgação)

Composta pelos livros A Bússola de Ouro, A Faca Sutil, e A Luneta Âmbar, a trilogia Fronteiras do Universo (ou His Dark Materials, no original em inglês), é uma fantasia juvenil com toques de ficção científica. A coleção chegou ao Brasil em 2007, pela Editora Objetiva, mesmo ano em que sua adaptação cinematográfica foi lançada, contando com os maravilhosos Daniel Craig e Nikole Kidman no elenco. A adaptação, que cobre os acontecimentos do primeiro livro, foi a responsável pelo primeiro contato de muita gente (incluindo eu) com o universo mágico criado por Philip Pullman, o autor da trilogia.

Pequena Larissa, de 14 aninhos, encantada com o filme que tinha tudo que ela mais gostava (uma protagonista feroz e inteligente, feiticeiras, segredos, e uma organização usando ciência para o mal), não pensou duas vezes quando viu os livros do filme na livraria. Encheu o saco do pai pra que ele comprasse, leu os livros de cabo a rabo num alvoroço sem igual, e ganhou uma história que está no top 10 de sua vida até hoje, mesmo com 24 anos de idade (sim, já li os livros agora mais velha e continuo amando!).

Toda essa introdução foi pra você entender que Fronteiras do Universo é bom, e você deveria sim dar uma chance pra ela. Entendeu o recado? Ok, então, podemos continuar.

Agora, do que se trata essa história? Bem, a trilogia é dividida em dois momentos principais: os acontecimentos do primeiro livro, e os acontecimentos do segundo livro em diante. Em A Bússola de Ouro, acompanhamos Lyra Belacqua, uma menina atrevida de 11 anos que mora na Universidade de Oxford, onde foi deixada quando bebê para ser criada e educada pelos catedráticos (tipo o corpo docente) da universidade. Seu único parente vivo é seu tio, Lorde Asriel, um aventureiro meio cientista que nunca está presente. Mas não é problema, porque nesse maravilhoso mundo de Philip Pullman, ninguém nunca está sozinho. Lyra é sempre acompanhada de Pantalaimon (Pan, para os íntimos), seu deamon, encarnação de sua própria alma na forma animal.

Sim, nesse mundo todas as pessoas têm deamons, partes deles próprios que os seguem como amigos e companheiros de vida. Apresentando o primeiro ponto de virada da história, logo nos primeiros capítulos, Roger, melhor amigo de Lyra, é levado por um grupo misterioso de sequestradores de crianças.

Conforme a trama avança Lyra vai conhecer pessoas do alto e baixo escalão da sociedade, e aos poucos vai percebendo que o sequestro de crianças tem origens muito mais perigosas: tudo parece estar ligado às crescentes intrigas entre catedráticos e o Magisterium; um aletiômetro que só ela é capaz de usar; uma antiga profecia sobre uma menina predestinada a trazer fim ao destino; e a existência de não apenas um, mas vários mundos.

 

É um aletiômetro(…). Ele fala a verdade.” (A Bússola de Ouro – Phillip Pullman)

obs: esse “aletiômetro” aí é a bússola de ouro, que dá nome ao livro

 

Fala se não parece trama de história boa? Pois é, te falei. Cola em mim que é sucesso.

 

dronteiras do universo
Novas edições de Fronteiras do Universo lançadas em 20017 pela editora Suma de Letras

 

Bom, vale lembrar que isso tudo é coisa do primeiro livro, que a meu ver é o mais fraquinho da série. A partir do segundo livro, depois que Lyra já passou por poucas e boas, a história nos apresenta o quê??? Um segundo protagonista! Isso mesmo. Will Parry é a dose perfeita de cuidado para equilibrar a personalidade de Lyra. Juntos, eles passam a percorrer diversos mundos na tentativa de encontrar o pai desaparecido de Will, e o amigo de Lyra, Roger (porque várias tretas rolaram e agora ele está numa situação de… difícil comunicação, digamos assim).

Tudo isso enquanto tretas políticas rolam, discussões do tipo ciência vs religião fritam sua cabeça, mistérios sobre o papel de Lyra e Will no destino dos mundos vão se aglomerando, e afinal, quando vão explicar o que diabos é Pó?! (muitas perguntas, poucas respostas)

Philip Pulmann leva sua história de maneira a aguçar nossa curiosidade, ao mesmo tempo em que nos apresenta um mundo fantasticamente original com intrigas super bem construídas. É uma história inteligente, misturando vários elementos diferentes. Tem animais falantes, tem experimentos malignos, tem gente louca, tem anjo, tem Deus. É uma senhora maçaroca, mas eu prometo que funciona! E além de tudo isso, a estrelinha mais brilhante no topo da árvore, são os personagens humanos, complexos, imperfeitos, com camadas e camadas de personalidade (não é, Sra. Coulter?).

Essa história tem muitos detalhes, por isso apresentá-la a vocês e gerar aquela vontadezinha de ler e descobrir o resto por conta própria é meu único objetivo por aqui. Até porque, com toda a importância que essa série tem no meu coração, prefiro deixar que outras pessoas façam uma crítica impessoal, com seus pontos positivos e negativos (porque todo livro tem as duas coisas). Eu vou só jogar amor mesmo, e fazer a propaganda hahahaha

 

Classificação da Larissa (cons.ciencialiteraria): 5 estrelas, favorito da vida

 

“Existem dois grandes poderes, eles lutam desde o início dos tempos. Eles disputam, arrancando dos dentes um do outro cada progresso da vida humana, cada passo nosso do conhecimento, na sabedoria e na decadência. Cada pequeno avanço na liberdade humana foi disputado ferozmente entre aqueles que querem aumentar o nosso conhecimento para que sejamos mais sábios e mais fortes, e aqueles que nos querem obedientes, humildes e submissos.”

(A Faca Sutil – Phillip Pullman)

 

fronteiras do universo
Em 2019 a HBO lançou a 1ª temporada de His Dark Materials, série que promete ser a adaptação definitiva de todos os três livros

Siga @Nerdrecomenda nas redes Sociais

Facebook | Twitter | Instagram

 

 

LEIA TAMBÉM: Retorno dos Tazos ao Brasil, desta vez nos pacotes de LAY’s®

3 Comentários

Deixe seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: