Cachorros - Nerd Recomenda

Ilha dos Cachorros e a lealdade aos companheiros

Indicado em duas categorias no Oscar de 2019, o filme traz a história de amizade entre um cão e seu dono

 

Um filme que tem como protagonistas cinco cachorros que ajudam um garoto de 12 anos a encontrar seu cão em uma ilha repleta de lixo, enquanto tentam sobreviver a ataques de outros humanos e lidar com a solidão. Essa é uma produção que conta com vários aspectos positivos em um longa de animação.

A história se inicia com um prólogo. O cenário é a cidade de Megasaki, no Japão, no futuro. Após o crescimento desenfreado da população de cães, que deu início à epidemia de “febre do focinho”, o governo, liderado pelo Prefeito Kobayashi, ordena que todos os cachorros sejam recolhidos e mandados para uma ilha que funciona como um grande depósito de lixo longe da cidade. 

Cachorros - Nerd Recomenda
Momento do filme em que os cachorros atravessam a ilha em um vagão de lixo. Créditos: Falange

Nessa ilha, os animais são obrigados a sobreviver com o pouco de comida que vem nas sacolas jogadas fora, e se proteger dos outros cachorros que, tentando se manter vivos, atacam uns aos outros. Logo somos apresentados aos protagonistas da história, Rex, King, Duke, Boss, e Chief, que vivem na ilha a algum tempo. Um dia, um avião de pequeno porte cai na região dos cachorros e conhecemos o jovem Atari Kobayashi, um garoto de 12 anos que está em busca de seu cão Spots. A partir daí, começa a aventura do menino junto com os cinco cachorros para encontrar seu companheiro.

Meu interesse por esse filme veio após assistir O Fantástico Sr. Raposo (2009). Produções dirigidas pelo mesmo diretor, Wes Anderson, esses dois filmes possuem como protagonistas os animais, e colocam os seres humanos como inimigos. Além de serem feitos em stop- motion, essas produções têm uma comédia diferente, não sendo escancarada na tela, mas a partir de diálogos bem trabalhados e cenas que por poucos segundos, esquecemos que são animais selvagens.

Uma coisa que me atrai muito em animações é o antropomorfismo (atitudes humanas presentes em animais) em seus protagonistas. Sendo as fábulas de Esopo um dos nossos primeiros contatos com esse aspecto, o divertimento nisso nas histórias é que, mesmo que os animais se comportem como seres humanos, eles ainda possuem traços de sua natureza selvagem, demonstradas em ações ou posturas. Em Ilha dos Cachorros o mesmo acontece, os cães se ajudam para sobreviver em uma ilha repleta de lixo, discutindo as ações que tomam, mas ainda assim vêm o garoto que chega até eles como um amigo.

Cachorros - Nerd Recomenda
Decisões entre os cachorros são tomadas em conjunto e ouvindo a maioria. Créditos: Fox Pictures/Divulgação

A trilha sonora do filme também nos faz entrar em um universo pós-apocalíptico quando acompanhamos cenas de acontecimentos na ilha. Além da questão estética utilizada pelo diretor em suas produções, a simetria, colocando os elementos em destaque no centro da tela, na maior parte do tempo. Uma informação que até se torna engraçada, pois em momentos do filme me peguei atenta para qual elemento estaria em destaque na cena.

Em relação aos protagonistas, os cinco cachorros principais, são personagens interessantes e até certo nível divertidos. Por ser uma animação em stop-motion, a aparência dos animais chama a atenção, principalmente pelos seus olhos, cheios de cor e “alma”, como se desse para ver todo seu drama através do olhar.

Há muito mais diálogos entre os cachorros do que entre seres humanos, e um último ponto interessante dessa obra são os personagens humanos japoneses, que, mesmo na versão dublada, tiveram seus áudios originais, como se estivéssemos mesmo vendo uma história do Japão no Ocidente, deixando a tradução com um narrador na história.

Ilha dos Cachorros é um filme encantador e surpreendente, com revelações durante a trama e uma história linda entre um garoto e seu cão, mostrando até onde vai a busca de Atari e a importância do auxílio dos outros cachorros para isso.

 

Leia Também: “Cadê o dinheiro?” e cadê o final do filme?

 

Siga @Nerdrecomenda nas redes Sociais

Facebook | Twitter | Instagram

 

Deixe seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: