LGBTQ

Cinema Nacional: 7 produções com a temática LGBTQ+

Mesmo desvalorizado, o cinema brasileiro tem um excelente catálogo de filmes LGBTQ+

É nítido a abertura que as produções cinematográficas têm dado à comunidade LGBT. Nos últimos anos, os lançamentos de filmes com a temática têm crescido e, consequentemente, contribuem com o entendimento e aceitação do outro.

No entanto, quantos filmes brasileiros que abordam a diversidade você já assistiu?  O Nerd Recomenda separou 7 filmes/documentário nacionais que falam sobre o assunto e a comunidade LGBTQ+. Confira:

1. Cazuza – O tempo não para (2004)

Na história de Agenor, conhecido como Cazuza, vemos um jovem talentoso que sempre quis aproveitar ao máximo todas as emoções da vida. O filme mostra a trajetória de Cazuza, desde seus tempos com a banda Barão Vermelho até sua carreira solo como cantor e compositor. O longa-metragem exibe ainda a luta do artista contra a aids.

Direção: Sandra Werneck e Walter Carvalho

Disponível: Google Play


2. Elvis & Madona (2010)

Uma entregadora lésbica de pizza ajuda um artista travesti e eles acabam se tornando amigos rapidamente. Com o tempo, a relação cresce e aflora sentimentos amorosos que os deixam confusos com sua própria sexualidade.

Direção: Marcelo Laffitte 

Disponível: Globosat Play 


3. Flores Raras (2013)

Elizabeth Bishop é uma poetisa insegura e tímida, que apenas se sente à vontade ao narrar seus versos para o amigo Robert Lowell. Em busca de algo que a motive, ela resolve partir para o Rio de Janeiro e passar uns dias na casa de uma colega de faculdade, Mary, que vive com a arquiteta brasileira Lota de Macedo Soare. A princípio, Elizabeth e Lota não se dão bem, mas logo se apaixonam uma pela outra.

Direção: Bruno Barreto

Disponível: Prime Video


4. Hoje eu quero voltar sozinho (2014)

Leonardo, um adolescente cego, tenta lidar com a mãe superprotetora ao mesmo tempo em que busca sua independência. Quando Gabriel chega em seu colégio, novos sentimentos começam a surgir em Leonardo, fazendo com que ele descubra mais sobre si mesmo e sua sexualidade.

Direção: Daniel Ribeiro 

Disponível: Netflix e Google Play


5. Meu corpo é político (2017)

O cotidiano de quatro militantes LGBTQ+ que vivem na periferia de São Paulo. A partir da intimidade e do contexto social dos personagens, o documentário levanta questões contemporâneas sobre a população trans e suas disputas políticas.

Direção: Alice Riff

Disponível: Vivo Play


6. Corpo Elétrico (2018)

Elias trabalha como assistente da estilista Diana em uma confecção de roupa feminina. Ele se apaixona por Filipe, um imigrante africano que trabalha na linha de produção, e começa a organizar festas para ter motivos extras para encontrar o garoto.

Direção: Marcelo Caetano

Disponível: Google Play


7. Greta (2019)

Pedro é um enfermeiro de 70 anos que trabalha em um hospital público. Sua melhor amiga é Daniela, artista transsexual que enfrenta graves problemas de saúde. Quando ela precisa ser internada, mas não encontra leito disponível, Pedro sequestra um paciente recém-chegado, Jean, e o abriga em sua casa. Inicialmente, o enfermeiro tem medo do rapaz agressivo, que se esconde da polícia por ter assassinado um homem a facadas. Depois, nasce entre eles uma relação de cumplicidade e afeto.

Direção: Armando Praça 

Disponível: Google Play e Globosat Play.


Leia Também: 6 desenhos que trazem personagens LGBTQI+ à história

Siga @Nerdrecomenda nas redes Sociais

Facebook | Twitter | Instagram

Um comentário

Deixe seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: