Maria e João - Nerd Recomenda

Maria e João: O conto das bruxas versão 2.0

Uma versão mais madura e sombria de um conto clássico

Acreditem, a ordem dos nomes (Maria e João) não é a única mudança nesse filme. Esqueçam aquele conto infantil com duas criancinhas e uma casa de doces. Esqueçam, também, aquele filme bizarro com os dois irmãos como caçadores de bruxas.

Maria e João: o conto das bruxas começa com a narração de uma história à parte, que nada tem a ver com João e Maria (será?). Uma menininha salva pela escuridão que acabou adquirindo uns poderes estranhos, forçando-a ir embora de sua vila, para a floresta. Nada é aleatório e, mais tarde, você vai entendendo como essa história se encaixa na trama.

Maria e João - Nerd Recomenda
Maria e João – foto divulgação

Em uma pegada mais sombria, somos introduzidos à Maria (interpretada por Sophia Lillis), uma versão bem mais independente, que entende a triste realidade em que vive, além de acabar se tornando praticamente uma “mãe” para seu irmão mais novo, João, que a segue para todo lugar.

Expulsos de casa, são forçados a vagar pela floresta. Uma prática até comum nessa época de idade média, abandonar os filhos que não conseguiam alimentar. Diferente do original, dos irmãos Grimm, onde a mãe fez a cabeça do pai para que ele se livrasse das crianças. Esta versão traz somente a figura da mãe, cansada de suas obrigações e da pobreza extrema.

Já fora de casa, temos uma bela oportunidade para apreciarmos as belas paisagens de outono, criando, junto como a trilha sonora, um toque sombrio. Infelizmente, isso não ajuda nossos personagens, uma floresta sem meios de conseguir comida, só com umas plantas de caráter duvidoso. Nossa Maria complementa o quadro com sua habilidade de “ver coisas que não podem ser vistas”. Mantenho o mistério para não estragar a história.

E onde entra a bruxa e a casa de doces?

Maria e João - Nerd Recomenda
Maria e João – foto divulgação

A casa não é de doces, mas a fartura é visível num lugar onde esse tipo de coisa seria impossível, te fazendo questionar como a bruxa (não adianta eu falar senhora, todo mundo já sabe) consegue a comida. Já adianto que vocês não vão gostar da verdade (isso se não perceberem antes, até que é meio óbvio).

Maria e João - Nerd Recomenda
Maria e João – foto divulgação

Alice Krige faz um ótimo trabalho no papel de bruxa, te fazendo até duvidar se ela é realmente a vilã da história, como no original (ela é? Não é?). O figurino e a maquiagem que caracterizam a personagem também estão impecáveis.

Um fator interessante é a importância do discurso feminista ao longo da trama. A bruxa e Maria trocam várias mensagens sobre a força das mulheres, a independência dos homens. As vezes, indo até a certos extremos, onde a bruxa enfatiza que Maria devia deixar seu irmão de lado, por ser homem.

Diferente do trailer, Maria e João em si não é tão assustador, ainda que renda um sustinho aqui e alí. Uma bela oportunidade para conhecer essa releitura do clássico. 

Maria e João estreia dia 20 de fevereiro nos cinemas. Está aí, uma ótima opção pra quem quer dar uma fugida do clima de carnaval. Pode conferir e nos contar o que achou!

LEIA TAMBÉM: Locke & Key – Sucesso ou Fracasso?

Siga @Nerdrecomenda nas redes Sociais

Facebook | Twitter | Instagram

Um comentário

Deixe seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: