jogos mobile

Jogos mobile ocupam um terço do mercado em 2020

Jogos Mobile são nos tempos atuais os games mais jogados, superados os jogo de consoles e PC. O site GammingScan em seu relatório 2020, mostrou que os jogos mobile representam a maior parte lucrativa nos games, com cerca de 36% de todo mercado e a previsão feita pela NewZoo e de que esse número chegue a 41% até 2022.

Mas qual é trajetória desse jogos, que desde da época dos celulares “tijolos” fazem sucesso?  

O primeiro

Jogo da cobrinha. O sucesso meteórico do primeiro clássico de jogos para celular faz com que seja difícil encontrar alguém que não o conheça ou nunca tenha jogado. Criado em 1970, o game tornou-se um fenômeno de popularidade depois da versão de 1997 para o Nokia 6610.

primeiro mobile
primeiro mobile

Ao longo dos anos, qualquer celular – independente do modelo e marca – possuía uma cópia de Snake instalado nativamente. A grande vantagem fez com que o game estivesse presente em mais de 350 milhões de aparelhos durante os primeiros anos do século.

Diferente dos consoles ou computadores, os jogos mobile captam outro público: jogadores casuais. Pessoas que dificilmente investem tanto dinheiro para comprar um videogame, mas que possuem aparelhos móveis por outros motivos e aproveitam para passar o tempo com jogos eletrônicos.

Não por acaso, em 2017, os games mobile alcançaram o valor de US$59,2 bilhões movimentados, contra US$33 bilhões para os jogos de PC e $8.3 bilhões de dólares dos jogos para consoles.

Com o avanço tecnológico, os celulares ganharam mais cores, maiores capacidades de mecânica e armazenamento aos aparelhos. Games adaptados de consoles, como Tetris e Space Invaders, tiveram cada vez mais espaço no universo dos jogos mobile.

Era Java 

Nos anos 2000 começaram com os primeiros celulares com tela colorida e, consequentemente, jogos que dependiam desta novidade. Bejeweled, precursor do famoso Candy Crush, é um grande exemplo.

mobile - Nerd Recomenda

 

Bejeweled
Bejeweled

Durante primeira década do século XXI, os jogos de celulares tinha uma programação em Java, um padrão usado na época, o que possibilitou  a plataforma de se produzir o jogo com um único código que pudesse rodar em vários celulares. Nesse período surge a Gameloft, empresa de jogos focado no mobile. A programação era limitada pelo hardware.

Smartfone

Ainda na primeira década do século XXI, em 2008, a Apple lançou a plataforma App Store, facilitando o consumo de jogos de celular por seus usuários. Iniciativa similar ao serviço Google Play, lançado pela Google, quatro anos depois, em 2012.

A substituição dos botões analógicos pelo touchscreen, popularizados em 2009 com o Galaxy e o iPhone, fez com que novas mecânicas fossem possíveis. Inúmeros jogos como Angry Birds, Subway Surf e Flappy Bird aproveitaram esta funcionalidade de toques na tela para conquistar milhões de jogadores.

angry birds mobile
angry birds mobile

Entre os mais baixados da Google Play e App Store, além dos já citados, estão: Pou, My Talking Tom, Crossy Road, Clash of Clans, Minecraft e Fruit Ninja. Alguns deles quebraram recordes, como é o caso do Candy Crush, que já alcançou mais de 700 milhões de usuários ativos por dia – o que supera três vezes a população brasileira.

Ainda em 2012, além do surgimento da plataforma de downloads mobile do Google, a empresa Niantic lançou o aplicativo Ingress. O serviço foi o primeiro a oferecer elementos de realidade aumentada, somada a localização geográfica dos jogadores.  O mecanismo serviu como precursor do fenômeno mundial Pokémon Go, lançado em 2016.

 

 

Lista de jogos mais jogados no Brasil em 2019:

 

  • Free Fire com 12% de preferência
  • Candy Crush Saga 10% de preferência
  • Clash Royale 2% de preferência
  • Farm Heroes 2% de preferência
  • PUGB com também 2% de preferência.

         Lista de jogos mobile mais populares no mundo:

  1. Call of duty – Mobile
  2. PUBG Mobile
  3. Minecraft
  4. Clash Of Clans
  5. Clash Royale
  6. Fortnite
  7. Pokémon Go
  8. Free Fire Battlegrounds
  9. Brawl Stars
  10. Mario Kart Tour

Leia Também: Cinemark e Stoodi estabelecem união entre entretenimento e educação

Siga @Nerdrecomenda nas redes Sociais

Facebook | Twitter | Instagram

2 Comentários

Deixe seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: