Opera

Opera dá mais um passo em direção à Web3 e passa a integrar blockchains em seu navegador

Usuários do navegador podem acessar agora serviços em oito ecossistemas de blockchain diferentes, entre eles Solana, Polygon e StarkEx

Opera, empresa por trás do primeiro navegador nativo Web3 com carteira criptográfica integrada, acaba de anunciar a adição de suporte para vários ecossistemas de blockchain, incluindo, entre eles, os principais: SolanaPolygonStarkEx, Ronin, Celo, Nervos DAO, IXO e Bitcoin. Milhões de usuários ativos do navegador Opera podem agora se beneficiar de blockchains e aplicativos descentralizados (DApps), além de serviços em oito ecossistemas de blockchain diferentes. A partir de hoje, os usuários podem acessar o vasto ecossistema de DApps do Polygon ou da Solana e ainda aproveitar os benefícios do Layer 2 DeFi via DiversiFi com tecnologia StarkWare. Eles também podem cuidar de seus Axies acessando o Ronin.

O lançamento de hoje também estende o acesso a blockchains PoS e ecossistemas Ethereum Layer-2, como Polygon e StarkEx. Ao obter acesso a esses blockchains, os usuários se beneficiam com transações mais rápidas, minimizam a pegada de carbono com emissão de menor e ainda aproveitam a robusta descentralização e segurança do Ethereum.

A integração de vários blockchains e a Layer-2 é uma estratégia fundamental na missão da Opera de integrar milhões de usuários à Web3, fazendo isso de maneira consciente no quesito ambiental.

“Desde que começamos na Web3, em 2018, temos feito parcerias com blockchains de ponta e super populares e provedores de nomes de domínio Web3 a fim de acelerar a evolução das criptomoedas – desde a prova de conceito até a adoção em massa. Além disso, em breve, a Web3 deve se tornar uma tecnologia da Web convencional e os usuários não precisarão saber que estão interagindo com ela. Afinal, eles precisam obter uma experiência de navegação melhor e isso será um verdadeiro benefício”, disse Jorgen Arnesen, EVP Mobile da Opera.

Em janeiro de 2022, Opera lançou a primeira versão beta pública de seu novo Crypto Browser Project em dispositivos móveis e desktops. Desde então, o Crypto Browser Project oferece a melhor experiência de navegação Web3 totalmente dedicada e completa. Embora Opera tenha lançado originalmente o primeiro navegador da Web com uma carteira de criptomoedas integrada e suporte básico à Web3 em 2018, o Crypto Browser Project, que inclui suporte a DApps integrados, uma carteira de criptografia sem custódia e o Crypto Corner, foi quem marcou o início de uma nova jornada na experiência de navegação Web3, com enfoque na aceleração e na evolução da próxima geração da Internet.

Opera

Polygon

A parceria com o Polygon é uma estratégia consciente no quesito meio ambiente. O espaço rápido, escalável e com taxas ultrabaixas do Polygon tornou esse blockchain uma das soluções de dimensionamento Ethereum mais populares entre usuários e desenvolvedores. Com as taxas de gás Ethereum subindo para níveis insustentáveis, o desenvolvedor do navegador agiu rapidamente para integrar o projeto e permitir que os usuários interajam direta e eficientemente com o Polygon.

Por outro lado, uma vez que os ativos são enviados para a cadeia Proof-of-Stake (PoS) do Polygon, o impacto do carbono é reduzido a uma taxa pequena para a cunhagem e transferência de ativos. O Polygon consome apenas 0,00079 terawatts (TWh) de eletricidade por ano, o que o torna mais de 90% menos consumidor de energia do que a Layer-1 do Ethereum. Por exemplo, cunhar um único NFT no Polygon produz aproximadamente a mesma quantidade de CO2 que dirigir 0,26 km.

De plataformas do metaverso, como Sandbox, Decentraland, NFT Worlds (compatível com Minecraft), Cryptovoxels e Somnium Space até os DApps de jogos mais populares no ecossistema Polygon, incluindo projetos da Polygon Studios e jogos como My Crypto Heroes, Atlantis World, Decentral Games, além muitos outros. O suporte do navegador Opera para Polygon possibilita que os usuários usufruam do popular ecossistema Ethereum, que tem mais de 7.000 DApps para escolher e usar, incluindo aplicativos de jogos populares Sandbox, Decentraland e Aavegotchi. A integração do Polygon no Opera se baseia no objetivo do navegador de integrar milhões de usuários ao espaço Web3 de maneira consciente em relação ao meio ambiente.

Opera

Solana

Os principais navegadores da Web começaram a trabalhar para incluir recursos nativos de blockchain durante a explosão de DeFi, ou seja, das finanças descentralizadas, em 2020. Desde então, muitos integraram vários níveis de funcionalidade de blockchain. No entanto, a inclusão da Solana pela Opera supera os principais concorrentes do setor.

Solana se tornou um dos 10 principais projetos de criptomoedas por capitalização de mercado em 2022. Suas baixas taxas de transação, a sua alta escalabilidade e o seu modelo de consenso com eficiência energética tornaram o blockchain um player bastante viável no setor.

Os usuários Opera agora poderão acessar todo o ecossistema Solana, incluindo aplicativos descentralizados (DApps) atualmente hospedados no blockchain. Isso inclui apps que variam entre exchanges descentralizadas (DEXs), como Solend e Raydium, Mercados NFT e aplicativos de streaming de música. Enquanto Opera está trabalhando com o ecossistema Solana para integrar a Opera Wallet, os usuários terão que se conectar através da carteira Phantom.

Juntamente com a Solana, o Polygon e outros blockchains, Opera está permitindo o acesso ao ecossistema Layer-2 da Ethereum via StarkEx, com a tecnologia StarkWare, e ainda exchange descentralizada do DeversiFi. A integração permite que os usuários se beneficiem de transações eficientes, que são mais de 100 vezes mais rápidas e econômicas do que a rede principal Ethereum, além de terem um custo ultrabaixo.

Além disso, Opera anunciou suporte para o blockchain Ronin, lar do popular projeto do GameFi, o Axie Infinity – e um dos grandes sucessos do espaço de jogos descentralizados. Também estão incluídos na integração Nervos DAO, IXO, Celo e Bitcoin.

Jorgen Arnesen, EVP Mobile da Opera, disse: “O usuário médio da Web ainda pode hesitar em se envolver com a Web3, mas com a integração de Solana, Polygon e outros blockchains em nosso navegador móvel, ele agora pode acessar essas tecnologias com a segurança e a familiaridade do navegador que lhe proporciona uma experiência Web3 dedicada.”

Os DApps Polygon e Polygon estão disponíveis no Crypto Browser Project no Android, em PCs e no Opera para Android. Solana, StarkWare/Deversifi Layer 2, IXO, Ronin, Nervos, Bitcoin e Celo estão disponíveis no Opera para Android e estarão disponíveis no Crypto Browser Project nos próximos meses.


LEIA TAMBÉM: Série Halo do Paramount+ tem estreia cheia de celebrações e experiências imersivas para os fãs na América Latina


Siga @Nerdrecomenda nas redes Sociais

Facebook Instagram Twitter

2 Comentários

Deixe seu Comentário