Os Segredos da Madame Claude

‘Os Segredos da Madame Claude’ mostra os desafios e a influência da prostituição

Recém lançado na Netflix, o filme biográfico conta a história de Fernande Grudet

Os Segredos da Madame Claude entrou para o catálogo da Netflix este ano, trazendo a história da dona do bordel francês, Fernande Grudet, conhecida como Madame Claude (Karole Rocher).

De origem humilde, Fernande era uma jovem com força de vontade e desejo de um bom futuro, mas depois de se apaixonar e engravidar quando ainda era muito nova, deixou a filha com a avó e tentou melhorar de vida na capital francesa.

Na Paris da década de 70, já era a maior empresária do ramo, com centenas de meninas trabalhando para ela, atendendo amigos – como ela costumava chamar seus clientes – da alta sociedade parisiense, de políticos a turistas estrangeiros.

O negócio da Madame toma um rumo diferente quando ela contrata uma jovem, que também é da alta sociedade, para atender seus amigos mais sofisticados. O que ela não esperava, era que Sidonie (Garance Marillier) era filha de um chanceler, ou seja, uma pessoa muito influente. A jovem se tornou o braço direito e a preferida de Claude, estando ao lado da cafetina no auge e na queda do luxuoso bordel.

Os Segredos da Madame Claude
Garance Marillier interpreta Sidonie | foto: Divulgação

Com uma clientela predominante de homens poderosos, o longa  mostra a influência da política, os segredos e desejos que esses clientes escondem da sociedade e como essa vulnerabilidade pode ser um risco, tanto para os homens quanto para a Madame.

Um dos pontos importantíssimos que a trama traz para o público é o debate sobre a falta de segurança das profissionais, levando em consideração que alguns de seus clientes sentem-se superiores a elas e no direito de fazerem o que quiserem, inclusive de agredi-las, como foi mostrado no filme.

Outra questão bem tratada no filme são as questões familiares que afetaram a trama, como o estupro que Sidonie sofreu quando ainda era criança, e também, o fato de Claude seguir a vida e em nenhum momento conseguiu firmar um bom relacionamento com a filha.

É importante lembrar que, por abordar sem nenhum pudor a prostituicao, Os Segredos da Madame Claude não é recomendado para menores de 16 anos. Com cerca de 1h50 de duração, o filme é dirigido por Sylvie Verheyde e possui cenas de nudez e uso de drogas. 

Trailer – Os Segredos da Madame Claude:

Texto por: Letícia Couto (@ilecouto)


Leia Mais: “Fuja” – Novo Suspense da Netflix chegou com novo talento, chamada Kiera Allen

Siga @Nerdrecomenda nas redes Sociais

Facebook | Twitter | Instagram

Um comentário

Deixe seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: