Todos Estão Falando Sobre Jamie - Nerd Recomenda

Todos Estão Falando Sobre Jamie – Resenha

Todos Estão Falando Sobre Jamie é um musical emocionante inspirado na história real de Jamie Campbell, um jovem em busca de sua verdadeira identidade

Disponível na Amazon Prime Video, Todos Estão Falando Sobre Jamie (Everybody’s Talking About Jamie) é um longa inspirado na história real de Jamie Campbell, que já teve sua história contada no documentário de 2011 chamado Jamie: Drag Queen at Sixteen e adaptada também para o teatro.

Todos Estão Falando Sobre Jamie
Jamie New (Max Harwood) e Hugo Battersby / drag queen Loco Chanelle (Richard E. Grant) | Divulgação

No filme acompanhamos Jamie New (Max Harwood), um jovem gay de 16 anos que tem o sonho de se tornar uma Drag Queen e fazer dessa sua profissão. Para tanto, ele decide que vai ao baile de formatura da escola como sua persona drag. Mesmo com medo do que o futuro o reserva, enfrentando bullying dos colegas e preconceito do pai ausente, Jaime fará de tudo para realizar esse sonho, sempre contando com a ajuda de sua amiga Pritti (Lauren Patel) e de sua mãe Margaret (Sarah Lancashire).

Apesar de todo o bullying que Jamie sofre na escola, o longa busca não focar nesse tema, fazendo com que a narrativa não fique tão pesada e também mostrando um jovem que é bem seguro com relação a sua sexualidade, um reflexo do afeto e da relação que tem com sua mãe.

O musical é sobre a descoberta de um mundo novo, onde o jovem precisa de ajuda para descobrir sua verdadeira identidade e revelar assim todo o seu potencial. Mas, para que isso aconteça Jamie conta com a mentoria de Hugo Battersby / drag queen Loco Chanelle (Richard E. Grant), personagem de destaque e que é responsável por apresentar ao protagonista todas as manifestações culturais que o antecederam, toda a luta, legado e importância de ser uma Drag Queen, mostrando que sua entrada neste mundo vai muito além de apenas passar o bastão.

Todos Estão Falando Sobre Jamie é um filme necessário e como um bom musical que se preze apresenta boas músicas com apresentações divertidas e até mesmo mais emocionantes, que evoluem de acordo com o crescimento do filme.

Texto por: Helena Tortorelli


Leia Também: “Duna” pode ser a próxima grande franquia do cinema

Siga @Nerdrecomenda nas redes Sociais

Facebook | Instagram Twitter

Um comentário

Deixe seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: