orgulho e preconceito - Nerd Recomenda

Orgulho e Preconceito, motivos para amar

Orgulho e preconceito e o romance de época revolucionário.

Orgulho e Preconceito
Orgulho e Preconceito livro | foto: divulgação

Quem nunca quis estar no lugar da Elizabeth Bennet enquanto descobria mais sobre a vida do misterioso Mr.Darcy? Para os amantes de Jane Austen isso seria um sonho se tornando realidade. Orgulho e preconceito é um dos romances introdutórios na literatura de época, daqueles que nos faz imaginar um mundo completamente diferente do nosso sem transitar para a fantasia.

Eliza, como carinhosamente é apelidada, é uma das cinco filhas da familia Bennet, que por “azar” do destino nunca tivera filhos homens. Algo que para a década em que o livro fora escrito era um infortúnio. Elizabeth cria esperanças e expectativas sobre a sua irmã Jane casar-se com um nobre burguês que acabara de se mudar, mas mal previa que o destino estava prestes a pregá-la

Orgulho e Preconceito
Adaptação Orgulho e Preconceito | Foto: divulgação

uma peça, colocando em seu caminho o odiado Fitzwilliam Darcy.

Darcy é um jovem arrogante e prepotente, dono das terras mais ricas de Merynton, as terras de Pemberley, que emana autoconfiança e exala ríspidez, mas que ao longo da leitura vai se desenvolvendo muito bem, sendo apenas limitado pela visão preconceituosa de Elizabeth, que não dispõe de dons maravilhosos comparada à suas irmãs.

Ambos viverão uma jornada de amor e ódio que nos levarão a duvidar que duas pessoas tão diferentes pudessem ceder aos encantos um do outro. Jane Austen foi necessária para sua época, já que muitas mulheres buscavam refúgio na literatura, apaixonando-se por homens fictícios, e deixando-se educar por livros que, em sua maioria, eram escrito por homens. Jane conseguiu trazer todo o encanto dos romances, toda a elegância de seus modos e uma luta importântíssima tornando as suas personagens femininas capazes de fazer e ser o que quiserem.

Elizabeth, com toda sua teimosia e destreza, conseguiu encorajar muitas meninas a entederem seus próprios sentimentos e questionarem sobre padrões estabelecidos pela sociedade da época.

Se você, assim como eu, não dispensa uma aventura literária nova e nunca leu nenhum romance de época, é hora de apostar em Jane Austen. Um detalhe importante é que a obra também possui várias adaptações para o cinema. A mais conhecida e amada tem o mesmo nome e é interpretada por Keira Knightley e Matthew Macfadyen e você pode conferir o filme nas plataformas de streaming NETFLIX e TELECINE.

*Texto por Thuanne Ramos

Leia também: A História de Luke – Resenha

Siga @Nerdrecomenda nas redes Sociais

Facebook | Twitter | Instagram

2 Comentários

Deixe seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: