Aggretsuko - Nerd Recomenda

Aggretsuko – 3ª Temporada: Impressões sobre os novos capítulos

Nova temporada de Aggretsuko acerta em manter o mesmo estilo das anteriores, se mantendo engraçada com novidades

 

Neste fim de agosto, a Netflix estreou a 3ª temporada de Aggretsuko, lançando mais um capítulo da história de Retsuko. Com novos personagens e desafios para compor a história da protagonista, a série não deixa a desejar em questão de qualidade que teve em suas últimas temporadas.

Aggretsuko é uma série animada japonesa, com produção original da Netflix que tem como personagem principal Retsuko, uma cidadã comum que trabalha em uma empresa como contadora e que tem como hobby cantar Death Metal, contrariando a figura que mantém no seu dia a dia de pessoa calma e fofa.

Aggretsuko
Além de seu trabalho como contadora, Retsuko terá que lidar com novas obrigações. Créditos: Yahoo Notícias/Divulgação

Contando com 10 episódios, a 3ª temporada se inicia nos apresentando Retsuko lidando com o fim do seu relacionamento amoroso da forma mais saudável possível: gastando todo seu dinheiro em um namorado virtual em um jogo VR (Realidade Virtual). Além de acumular uma dívida em seu cartão, as coisas ainda pioram quando Retsuko bate de carro em uma van, cujo dono a faz quitar o valor do conserto trabalhando como contadora para uma banda idol que ele gerencia.

Essa nova temporada também dá mais destaque para os personagens secundários da trama, como Fenneko e Haida, lidando com seus próprios impasses. Os momentos com Inai também são ótimos e que fazem rir quando ele fica bravo ou estressado.

Porém nem tudo nessa nova temporada agrada. Vemos uma Retsuko mais infantil, algo que achei que fosse mudar pelas experiências anteriores da personagem que a fizeram refletir, mas que ainda a atingem. O machismo que a protagonista enfrenta também se torna mais evidente. Mesmo que seja apenas um desenho, há momentos em que a vida da protagonista é colocada em risco e sua inteligência, questionada. Além disso, o modo como os produtores da série ainda colocam Retsuko como alguém que tem de agradar e dar satisfação de sua vida pessoal para seu chefe é algo decepcionante. Fazem parecer que ela não é importante, ao mesmo tempo que ninguém parece conseguir andar sem Retsuko ao lado auxiliando. Talvez quisessem nos fazer sentir o peso que ela carrega por não se sentir boa o suficiente para ser feliz.

Aggretsuko
O acúmulo de dívidas no cartão faz com que Retsuko tenha que se virar em um trabalho secundário. Créditos: Netflix/Divulgação

Tirando alguns pontos, essa nova temporada possui momentos engraçados, carregada de hipérboles, caras e bocas exageradas e drama, marca de produções orientais, que deixam seus episódios divertidos.

O que encanta em Aggretsuko é que ela adapta situações da vida real e as coloca representada de maneira fofa e engraçada. Porém, o toque final para deixar essa temporada ainda melhor foi terem puxado o tema idols para os episódios, nos fazendo lembrar que estamos vendo sim uma produção oriental.

Esse final de temporada deu um gostinho de “quero mais”, esperando que a série receba novos episódios e especiais no catálogo da Netflix em breve para saciar a vontade sobre essa produção.

 

Leia Também: Aggretsuko- Conheça a vida de Retsuko

 

Siga @Nerdrecomenda nas redes Sociais

Facebook | Twitter | Instagram

Deixe seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: