Mamoru Hosoda

Mamoru Hosoda: 5 grandes produções

Lista de animações de Mamoru Hosoda para zerar em um dia

Voltamos com mais uma lista de filmes de animes, dessa vez, de Mamoru Hosoda, diretor e animador. Previamente, já trouxemos aqui no Nerd, listas com grandes obras de Makoto Shinkai e Hayao Miyazaki, divididas em duas partes, cada uma.

Mamoru Hosoda
Divulgação – Mamoru Hosoda

Uma curiosidade: Hosoda chegou a tentar uma vaga nos Studios Ghibli, muitos anos atrás, mas não conseguiu. Ainda assim, recebeu uma carta de rejeição, escrita pelo próprio Hayao Miyazaki, elogiando seu trabalho.

Hosoda passou por outros estúdios de animação, como Toei Animation e Madhouse, onde cresceu na profissão, até estabelecer seu próprio estúdio de animação, Studio Chizu.

Sem mais delongas, vamos à lista com algumas das principais obras do diretor (por ordem de lançamento):

1 – Toki o Kakeru Shoujo (“A Garota que Conquistou o Tempo”, em pt) – Disponível na Netflix

De 2006, Toki o Kakeru Shoujo conta a história de uma jovem colegial, Makoto Kono, que passa por eventos estranhos, até descobrir ser capaz de saltar no tempo.

Watashi no Sekai By krol Hime: Toki wo Kakeru Shoujo – A menina que  Conquistou o Tempo

Ela consegue, literalmente, saltar para qualquer período no passado. Ela até chega a contar para os amigos, Chiaki e Kousuke, mas no começo eles não acreditam muito.

Makoto decide usar o poder para refazer eventos do presente, desde coisas fúteis as decisões bem mais sérias, mas começa a perceber que mudar o passado pode ter consequências diferentes do que imaginava.

Podemos perceber que várias vezes as escolhas da protagonista são uma tentativa de fugir de alguma situação que, ao longo do filme, ela vai perceber que não deve fugir dos problemas, que precisa passar por aquilo.

Apesar da trama clichê, o filme tem personagens cheios de personalidade.

2 – Summer Wars (“Guerras de Verão”, em pt) – Disponível na Amazon Prime Video

Lançado em 2009, Summer Wars se passa num território governado por um clã, em Ueda, onde um rapaz (kenji Koiso), prodígio em matemática, acaba solucionando uma equação bem difícil e é acusado de hackear um mundo virtual.

Summer Wars GIF 03 | BiblioNyan

Agora, junto de sua amiga, (Natsuki Shinohara), eles têm de impedir que o mundo virtual e o real colidam.

No meio disso tudo, ainda temos um grande envolvimento da família de Natsuki na história que, junto com Kenji, acabam no meio dessa “guerra” cibernética. Apesar da falta de um desenvolvimento melhor para os personagens, a premissa da história é boa.

Graças ao sucesso do último filme de Hosoda (Toki o Kakeru Shoujo), a antecipação pelo lançamento do filme foi alta. Summer Wars fez sucesso nas bilheterias, foi exibido em festivais de cinema pelo mundo e recebu diversos prêmios pela obra.

3 – Ookami Kodomo no Ame to Yuki (“As Crianças Lobo”, em pt) – Disponível na Netflix

Lançado em 2012, Ookami Kodomo no Ame to Yuki começa com a história de uma moça, Hana, que se apaixona por um homem-lobo. Do relacionamento dos dois, nascem Yuki e Ame, duas crianças meio lobisomens.

Anime Now and 4ever: Ookami Kodomo no Ame to Yuki / Wolf Children

Porém, logo após o nascimento, o pai delas desaparece, até ser encontrado morto de forma misteriosa. Hana decide se mudar com as crianças para o interior, para cuidar delas, longe de curiosos que possam ameaça-las.

A história é bem sensível em tratar de Hana, como mãe de duas crianças híbridas e que precisa dar seus pulos para cuidar delas, mesmo sem saber como. Várias decisões que ela toma ou deixa de tomar acabam influenciando na história, seja relacionado ao trabalho dela, educação das crianças e até os perigos de perder a guarda delas.

As crianças também vão se desenvolvendo, amadurecendo e tomando suas próprias decisões em relação aos dois mundos em que vivem, seja o dos humanos ou dos lobos.

4 – Bakemono no Ko (“O Rapaz e o Monstro”, em pt) – Disponível na Netflix

De 2016, Bakemono no Ko conta a história de um rapaz perdido em Tóquio (Ren), que acaba indo parar num universo paralelo, onde conhece Kumatetsu, uma criatura que parece um urso e que luta para viver.

Bakemono no Ko | Bakemono no ko, Anime, Monstros

Kumatetsu acaba criando Ren, treinando-o na arte do combate durante anos.

Além de lutar, Ren vai crescendo e aprendendo a confiar mais nas pessoas. A relação dos dois também evolui para algo mais família mesmo, pai e filho. E, como qualquer família que se preze, temos várias brigas entre os dois, hilárias.

Bakemono no Ko teve uma boa recepção pela crítica especializada, que o classifica como uma aventura sobre amadurecimento, perfeito para todos os públicos, além de elogiar as cenas de lutas e os cenários.

5 – Mirai no Mirai (Sem título em pt, mas seria algo como A Mirai do futuro)

Lançado em 2018, Mirai no Mirai conta a história de Kun, um menininho de 4 anos que mora com seus pais numa casa toda projetada em volta de uma árvore, por seu pai. Todos os mimos, até que nasce sua irmãzinha, Mirai, o que vai deixando o Kun com muito ciúmes e tem um chilique tremendo.

Mirai no Mirai anime film by Studio Chizu, dir. Mamoru Hosoda in 2020 |  Japanese animated movies, Japanese animation, Anime

Após isso, ele acaba encontrando um homem estranho, no jardim de casa, que alega ser o príncipe da casa. Papo vai, papo vem, até que Kun percebe que o homem é o próprio cachorro da família, que virou humano.

Como se isso não bastasse, ele também acaba encontrando, no mesmo jardim, uma jovem que diz ser a irmãzinha dele, Mirai, que veio do futuro para consertar um problema.

Entre várias coisas que vão acontecendo na nova rotina de Kun, o menino vai aprendendo mais sobre sua história, além de ir aceitando aos poucos o fato de que é um irmão mais velho e deve agir como tal.

Tirando o último filme, que talvez você precise fazer aquela busca marota para encontrar, os demais estão disponíveis nos streamings da Netflix ou Amazon Prime Video. Pode conferir!

Por: Letícia Vargas

LEIA TAMBÉM: Hayao Miyazaki – animações que deixam um legado Parte 1


Siga @Nerdrecomenda nas redes Sociais

Facebook | Twitter | Instagram

Um comentário

Deixe seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: